Blog de moda e beleza

Esponja x pincel, qual é o melhor para aplicar a base?

0

Warning: file_get_contents(): https:// wrapper is disabled in the server configuration by allow_url_fopen=0 in /home/mirandab/public_html/wp-content/plugins/better-adsmanager/includes/libs/better-framework/functions/other.php on line 609

Warning: file_get_contents(https://mirandabastos.com/wp-content/plugins/better-adsmanager//js/adsense-lazy.min.js): failed to open stream: no suitable wrapper could be found in /home/mirandab/public_html/wp-content/plugins/better-adsmanager/includes/libs/better-framework/functions/other.php on line 609

Uma das “grandes duvidas” de quem está começando a #sagadamake, é com que aplicador vou usar tal produto? Bom pelo menos comigo foi assim, não entendia o porque de existir tantos aplicadores para a mesma função. Foi ai que me joguei de cabeça no mundo das esponjinhas, mas vendo alguns tutoriais percebi que não é bem assim, foi ai que tive a ideia de testar o mesmo produto com 2 aplicadores diferentes, e resolvi trazer essa experiência aqui para vocês. Hoje vamos ver uma “batalha” de uma esponja x pincel e ver qual é o melhor aplicador.

Para vocês verem melhor como foi essa “batalha”, vou deixar aqui o vídeo que fiz testando as duas juntas. É só dar o play!

Caso vocês queiram mais vídeos como esse eu posso fazer pra vocês, basta comentar aqui o nome do produto e o tipo de aplicador que quer que eu teste ok?!

Mas agora vamos falar dos aplicadores que testei nesse vídeo. Vou falar deles separadamente e depois vou dizer o que achei dessa experiência.

Pincel como aplicador

Aplicando a base com o pincel deu pra ver que além dele espalhar melhor o produto, percebi que a cor do produto na pele ficou mais intensa.

O pincel que usei estava saindo uns pelinhos, isso pode dificultar na hora da aplicação por deixar marca dos pelos no seu rosto. No meu caso não marcou mais pode ser que aconteça, então na hora que for comprar seu pincel verifique se o pelo não sai facilmente.

Esponja como aplicador

Na hora em que apliquei a base com a esponja, senti que ela absorveu bastante do produto, mais espalhou muito bem. Ela deu um acabamento leve para a pele, mas se você fizer mais uma camada de base pode cobrir as imperfeições de boa.

Não tem um único modelo de esponjinha, mais como essa é a mais comum resolvi testar com ela. Mas tenho aqui outros modelos de esponjas, e se vocês quiserem posso aplicar o mesmo produto com esponjas diferentes.

Conclusão

A esponja deixou mais evidente a olheira do que o pincel, senti que o acabamento com o pincel foi melhor, deve ter sido porque a esponja sugou bastante produto e o pincel apenas espalhou ele.

Quando eu vou usar uma base que o acabamento dela é do leve pro médio, eu gosto de usar o pincel, porque ele espalha bem e a cor da base fica mais evidente.

Mais na hora da praticidade eu prefiro usar a esponjinha. Ela suga bastante o produto, mas ela espalha muito bem ali na hora e não é preciso esperar secar para ver como ela vai ficar na pele, como é o caso do pincel. Obvio que isso depende das bases que você vai usar, se é em bastão, liquida, pasta…

Posso testar com diferentes bases e diferentes aplicadores, é só deixar aqui nos comentários quais produtos querem pro próximo vídeo.

Caso ainda não entenda pra que serve cada tipo de pincel, eu fiz um post onde mostro alguns tipos de pinceis e explico pra que servem. Claro, que existem muitos outros tipos de pinceis, mas podemos ir atualizando o que acham? Espero que tenham gostado desse post, muitos beijos e tchau, tchau.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.